Diretrizes nacionais feminicídio: Investigar, processar e julgar
Com perspectiva de gênero as mortes violentas de mulheres


Fonte

ONU Mulheres

Título

Diretrizes nacionais feminicídio: Investigar, processar e julgar
Com perspectiva de gênero as mortes violentas de mulheres

Autor

ONU Mulheres

Descrição

As mortes violentas de mulheres por razões de gênero são fenômeno global. Em tempos
de guerra ou de paz, muitas dessas mortes ocorrem com a tolerância das sociedades e governos,
encobertas por costumes e tradições, revestidas de naturalidade, justificadas como práticas
pedagógicas, seja no exercício de direito tradicional – que atribui aos homens a punição das
mulheres da família – seja na forma de tratar as mulheres como objetos sexuais e descartáveis.
Pouco se sabe sobre essas mortes, inclusive sobre o número exato de sua ocorrência, mas
é possível afirmar que ano após ano muitas mulheres morrem em razão de seu gênero, ou
seja, em decorrência da desigualdade de poder que coloca mulheres e meninas em situação
de maior vulnerabilidade e risco social nas diferentes relações de que participam nos espaços
público e privado (ONU MULHERES, 2012).

Editor

ONU Mulheres

Data

2016

Tipo

Livro

Idioma

pt_BR

Arquivos

Diretrizes nacionais feminicídio- Direitos, mulheres.png

Referência

ONU Mulheres, “Diretrizes nacionais feminicídio: Investigar, processar e julgar
Com perspectiva de gênero as mortes violentas de mulheres,” Curadoria Enap, acesso em 18 de dezembro de 2018, https://exposicao.enap.gov.br/items/show/267.

Formatos de Saída